Domingo, 9 de Maio de 2004

conto-te coisas

_conta-me coisas.




conto-te coisas.
conto-te que acabei de saber que um trabalho que tinha que entregar no dia 27 deste mês, só preciso entregar no dia 20 de fevereiro. que boa notícia.

conto-te também que quando soube disso me emocionei de tal maneira que quase chorei. mas que idiota.

conto-te que tenho dormido mal nestas noites húmidas. que sonho muito, que não descanso o que deveria.

conto-te que desejava ardentemente ganhar o totoloto. queres fazer o totoloto comigo?
dizes 6 números e junto-os aos meus 6 números e se ganhar, dou-te metade do dinheiro e vamos os dois passear até paris. que achas?

conto-te que uma saudade avassaladora se apoderou de mim. uma noite estrelada um baloiço e beijos por dar. e os que se deram. e as palavras que se trocaram.

conto-te que, ao contrário do que eu pensava, preciso me apaixonar outra vez, perdidamente, deliciosamente.

conto-te parvoíces, é o que é.

mas, não contes o que te conto.
porque os meus contos são
palavras sussurradas,
voláteis e imaginadas,
de dias quentes
e noites frias.

um beijo,

lia
publicado por floreca às 19:53
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Anjo Do Sol a 10 de Maio de 2004 às 22:28
Já começo a ficar confundida... afinal, quantos blogs são? ;) Bjinhos


De Kioko a 9 de Maio de 2004 às 22:53
Estar-se apaixonado é como ganhar um totoloto. Simplesmente, nem sempre se vêm as maravilhas que essa riqueza é capaz de provocar.


De Lolita a 9 de Maio de 2004 às 21:23
Os contos que se contam em segredo são os que os búzios nos trazem. Do mar lá longe e tão perto do coração. Esta carta é.. é muito bonita, é o que é!


De floreca a 9 de Maio de 2004 às 20:37
O totoloto ajudava... mas, sem estar apaixonada, não sei viver. Mesmo quando achamos que se tornou dispensável, depressa nos apercebemos de que não é assim...


De marlia a 9 de Maio de 2004 às 20:22
almar:) totoloto é "dispensável", mas o resto é bem preciso de facto:) obrigada, beijinhos *


De almar a 9 de Maio de 2004 às 20:06
Nada do que aqui contaste me pareceu parvoíce. Precisamos todos de ganhar o totoloto. Se fizéssemos uma sociedade talvez conseguíssemos ... E quanto a apixonarmo-nos outra vez, isso então é o sal (e o sol) da vida! beijinhos


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Actualizar...

. Lá terá de ser...

. Estamos de volta

. Cumprir calendário...

. Pausa

. Mais uma mudança

. SORTE OU NÃO

. Postais ilustrados - 4

. Esta carta é dirigida aos...

. MIMO

.arquivos

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Setembro 2005

. Dezembro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds